Botões superiores

25 Mar 2020

Nunca foi tão necessário falar sobre Educação a Distância

Redação Bett
Nunca foi tão necessário falar sobre Educação a Distância

O número de crianças, jovens e adultos sem frequentar escolas ou universidades por causa do COVID-19 está aumentando em todo o mundo. Segundo monitoramento feito pela UNESCO,119 países fecharam escolas e instituições de ensino na tentativa de conter a pandemia, impactando mais de 861,7 milhões de crianças e jovens – os dados são do dia 18 de março, mas podem mudar rapidamente caso a pandemia avance ainda mais.

Este cenário representa um desafio sem precedentes para o setor educacional, para pais, comunidade e, principalmente, estudantes. O fechamento de escolas obrigou governos a decretar férias temporárias antecipadas, ou ainda implementar a educação a distância (EAD).

Nos Estados Unidos, a Universidade Harvard anunciou que cursos de graduação e pós-graduação presenciais terão aulas a distância a partir de 23 de março, data em que estava previsto o retorno dos alunos ao campus após o recesso de primavera, pelo calendário americano. 

A Estônia, melhor país da Europa no PISA 2018, anunciou o compartilhamento de todas as suas ferramentas de educação digital para apoiar os sistemas educacionais de outros países durante a crise COVID-19. A lista de ferramentas disponíveis internacionalmente está neste link: http://education-nation.99math.com/

Com a interrupção das aulas presenciais, a Estônia optou pelo modelo online para o ensino e a aprendizagem. "Quem não tem medo da educação digital? Aprender e ensinar digitalmente é desafiador, mesmo em circunstâncias normais. No entanto, durante o surto de COVID-19, a escolaridade digital é a única opção ”, disse Mart Laidmets, secretário-geral do Ministério da Educação e Pesquisa da Estônia em comunicação oficial no site do governo.

“Na Estônia, temos várias soluções que apoiam totalmente a educação a distância e estamos prontos para compartilhar as melhores práticas e soluções com os países em necessidade. Afinal, fornecer educação é essencial para uma sociedade sustentável”, acrescentou Laidmets.

No Brasil, o Ministério da Educação (MEC) liberou as instituições de ensino superior do sistema federal a substituírem as aulas presenciais pela modalidade à distância por 30 dias, para amenizar os prejuízos causados pela pandemia do novo coronavírus.

A Microsoft, patrocinadora master da Bett Educar 2020, mantém um hub digital que reúne conversas, conteúdo, atribuições e aplicativos em um só lugar, permitindo que os professores criem ambientes de aprendizagem vibrantes. É o caso do Microsoft Teams  que oferece diferentes recursos em um só lugar para evitar o uso de diversas plataformas com apenas uma função. Para tirar o melhor proveito do Microsoft Teams no dia a dia, o hub elaborou seis manuais de trabalho colaborativo, disponível também online. Nesse material, é possível aprender no ritmo de cada escola ou instituição de ensino:

  • Como criar grupos no Teams.
  • Como criar bate-papos para a interação de todos os colegas.
  • Como compartilhar e editar documentos.
  • Como atribuir tarefas e datas de entrega.
  • Como criar reuniões online e usar todas as ferramentas necessárias.
  • Como criar pesquisas ou formulários.

Para mais informações sobre o Microsoft Teams, acesse  https://education.microsoft.com/pt-br/resource/94c6b028.

 

Para ter mais informações sobre as alternativas do setor de educação frente à pandemia, continue acompanhando as notícias do Blog Bett Educar.

Veja mais
Loading

Assine a newsletter da Bett Educar

Seja o primeiro a saber sobre novos palestrantes, conteúdos recém-lançados, notícias, novidades de quem está exibindo e muito mais.


 

Botões superiores

Parceiros

 

 

Patrocinadores