Botões superiores

06 Apr 2020

Setor educacional se mobiliza para buscar apoio na EAD em meio à pandemia do COVID-19

Redação Bett
Setor educacional se mobiliza para buscar apoio na EAD em meio à pandemia do COVID-19

Neste momento em que a pandemia obriga todos ao isolamento social, as instituições de ensino buscaram soluções para que o afastamento físico não fosse também o afastamento do ensino e da aprendizagem, e a educação online tem sido uma opção.

A educação a distância (EAD) “é a modalidade educacional na qual alunos e professores estão separados, física ou temporalmente e, por isso, faz-se necessária a utilização de meios e tecnologias de informação e comunicação” (MEC) e a educação online é uma das alternativas da EAD.

Com as atividades das escolas e instituições de ensino superior (IES) suspensas, houve uma corrida, sem precedentes, à prática da EAD e do ensino online.

Associações, entidades mantenedoras, sindicatos e o Conselho Nacional de Educação (CNE) já emitiram notas oficiais dando orientações aos gestores das instituições de ensino em todo o país. Em seu comunicado, a Abed (Associação Brasileira de Educação a Distância) chama atenção para que educadores e organizações educacionais procurem apoio de profissionais experientes em EAD.

"O ensino a distância, que não se resume a um remédio para momentos de crise, impedirá que quase metade dos estudantes do mundo fique sem estudar, o que reforça sua importância", diz o documento.

A Abed disponibiliza em seu site uma midiateca que inclui podcasts, vídeos, imagens, textos, documentos legais e diversos outros recursos, que podem servir de apoio a essa fase de transição para educadores, escolas e IES. Também oferece apoio de seus associados individuais , institucionais e mantenedores para a divulgação de iniciativas importantes de apoio à EAD em suas redes sociais.

Já a Associação Brasileira de Mantenedoras de Ensino Superior (ABMES) está monitorando diariamente o de funcionamento das instituições de ensino superior diante dos desdobramentos do novo coronavírus (COVID–19) no Brasil. A associação também se coloca à disposição para esclarecimento de dúvidas sobre o assunto.

Segundo os dados de monitoramento, as aulas presenciais nas instituições de educação superior (IES) de todos estados brasileiros e do Distrito Federal foram suspensas a partir de decretos dos governadores, com efeitos tanto nas instituições privadas quanto nas públicas. Mesmo nos casos onde as medidas do Poder Executivo não alcançavam a iniciativa privada, a medida foi igualmente acatada como forma de enfrentamento à proliferação do COVID–19 no país.

Para Luiz Roberto Liza Curi, presidente do Conselho Nacional de Educação (CNE), “o arcabouço normativo que ampara o sistema regulatório do ensino superior traz alternativas para suprir o processo de ensino e aprendizagem em contextos caracterizados pela ausência de contato entre discente e docente no mesmo ambiente físico, elemento próprio do ensino presencial". 

A Bett Educar continua a apoiar todas as iniciativas em prol da educação brasileira e daqueles que buscam soluções, associando inovações e tecnologia à educação.

Veja mais
Loading

Assine a newsletter da Bett Educar

Seja o primeiro a saber sobre novos palestrantes, conteúdos recém-lançados, notícias, novidades de quem está exibindo e muito mais.


 

Botões superiores

Parceiros

 

 

Patrocinadores



Apoiadores